Returno do Brasileirão dá o pontapé inicial nesta quarta-feira, CONFIRA OS JOGOS!


O Campeonato Brasileiro chegou ao fim da sua primeira metade com o Atlético-MG liderando, mesmo com uma partida a menos.

Nesta quarta-feira, o segundo turno começa com oito confrontos: o Galo defende a ponta contra uma animada Ponte Preta, enquanto o Fluminense tem uma missão difícil contra o Corinthians, atual campeão da Libertadores. Confira um pouco sobre cada duelo do dia:

Santos x Bahia – 19h30 – Peixe espera manter crescimento contra Tricolor em crise

 

Com Neymar, Peixe quer consolidar recuperação

O Santos iniciou o Brasileirão muito mal, mas vem se recuperando após o retorno de Neymar, Ganso e Rafael – com dez pontos nos últimos quatro jogos, a paz reina na Vila Belmiro. Nesta quarta-feira, o Peixe recebe um adversário que não vive a mesma realidade: com apenas 17 pontos, o Bahia luta para fugir da zona de rebaixamento, e pode estrear o técnico Jorginho, que substitui o demissionário Caio Júnior.

A má fase do Bahia não ilude os jogadores santistas, mesmo aqueles que estão há pouco tempo no país, mas já conhecem o futebol brasileiro. “Assim como na Argentina, aqui não tem jogo fácil. São todas partidas difíceis, e temos de jogá-las. Temos de atuar como nos clássicos, para chegarmos entre os quatro primeiros no fim do torneio”, alertou o atacante Patito Rodríguez ao Globoesporte.com.

O Bahia acredita na vontade de seus atletas, e encara o início do segundo turno como uma nova largada na competição. “Vamos para lá tentar fazer o melhor contra o Santos. Confiámos nos jogadores e temos tudo para fazer um bom jogo”, explicou o interino Eduardo Barroca, que deve comandar a equipe caso Jorginho não decida assumir já nesta quarta.

Coritiba x Internacional – 19h30 – pior defesa encara ataque em crise no Couto Pereira

Treinador colorado confia na evolução de sua equipe

O desejo por recuperação no Brasileiro une Coritiba e Internacional, ainda que por lados completamente diferentes: brigando contra o rebaixamento, o Coxa tem a pior defesa do Brasileiro, tendo sofrido 37 gols, enquanto o Colorado perdeu contato com o G-4, com apenas nove bolas nas redes adversárias nos últimos nove jogos. Às 19h30, o estádio Couto Pereira recebe o confronto, que abre o returno para as duas equipes.

O Coxa sabe da força colorada como visitante, mas conta com a ajuda da torcida para se recuperar. “Não é fácil o adversário, mas temos que exercer o poder dentro do Couto Pereira com um time competitivo que possa, quem sabe, em um período curto, sair dessa situação desconfortável”, afirmou o técnico Marcelo Oliveira.

O Inter quer uma postura mais ofensiva para se recuperar e voltar a brigar pelas primeiras colocações no returno. “O objetivo é de tentar fazer com que a marcação seja mais agressiva, de uma maneira mais compacta entre os volantes. Precisamos de uma boa virada de turno para retomar a confiança, melhorar a autoestima”, explicou o treinador Fernandão.

Portuguesa x Palmeiras – 20h30 – rivais duelam em busca de recuperação

Volante acredita em um segundo turno bem melhor para o Palmeiras

O Canindé receberá, às 20h30, um confronto entre duas equipes que, com campanhas modestas no primeiro turno, esperam uma mudança radical até o fim do ano: a Portuguesa marcou apenas 17 gols, enquanto o Palmeiras comemorou uma vez a mais. Por conta disso, os times rondam a zona de rebaixamento desde o início da competição – o Verdão está nela no momento.

A Portuguesa destaca os valores individuais do Palmeiras, como Barcos, Valdivia e Correa, e respeita o adversário. “É um time que vive um mau momento, mas é muito grande. Independentemente da equipe que o Felipe (Scolari) colocar em campo, o Palmeiras tem uma movimentação diferente, vai bem nisso. Estamos preparados para todas as situações, mas vai ser difícil”, destacou o técnico Geninho.

O Palmeiras, por sua vez, não consegue decolar após o título da Copa do Brasil, mas confia na capacidade do elenco. “O grupo é bom e posso dizer que o ambiente dos atletas é ainda melhor. Acho que temos totais condições de melhorar nossa situação e deixar as últimas colocações o mais rápido possível”, disse o volante Correa.

Náutico x Figueirense – 20h30 – Timbu espera manter força caseira contra motivado Figueira

O estádio dos Aflitos recebe duas equipes animadas, ainda que vivendo momentos diferentes no Brasileiro. O Náutico vem de duas vitórias e um empate nos últimos jogos, todos no Recife, enquanto o Figueirense, lanterna da competição, venceu o Coritiba no fim de semana e pode sair da zona de rebaixamento com um triunfo aliado a uma combinação de resultados favoráveis.

O Timbu promete um grande jogo, esperando encerrar a sequência caseira com mais três pontos. “Vamos tentar repetir o desempenho que costumamos ter quando jogamos em casa, com o apoio da torcida. As partidas do segundo turno são sempre mais difíceis, mas vamos unir nossas forças para buscar a vitória, lembrando de manter os pés no chão e o respeito ao adversário”, declarou o técnico Alexandre Gallo.

Os catarinenses precisam vencer, para compensar os maus resultados da primeira metade do Brasileiro, e esperam começar bem em Recife. “Seria importante começarmos o segundo turno com uma vitória. O grupo está ciente da importância dessa partida, assim como todas as outras que teremos pela frente”, explicou o goleiro Wilson.

Atlético-MG x Ponte Preta – 20h30 – líder, Galo encara Macaca renovada por vitória

Galo garantiu o primeiro turno, e espera manter o embalo

O Atlético-MG garantiu o título simbólico do primeiro turno do Brasileirão, mesmo com uma partida atrasada – com 43 pontos, o Galo busca, no estádio Independência, manter a liderança contra a Ponte Preta, que vem embalada pela vitória sobre a Portuguesa no último fim de semana.

Os mineiros sabem que, pela atual colocação, os adversários virão a Belo Horizonte dispostos a jogar retrancados. “A gente vai esperar a equipe deles na defensiva. Temos que explorar o fator mando de campo. É saber a hora certa para sair com o time para o ataque e matar o jogo quando tiver a oportunidade”, explicou o volante Serginho.

A Ponte fortalecerá a marcação, e buscará anular os pontos fortes do Galo. “Sabemos que a torcida vai jogar junto com eles. A energia vem de fora. Temos de tentar dificultar ao máximo as ações, já que eles contam com jogadores de muita qualidade, como o Ronaldinho, que é imprevisível. Marcá-lo é sempre muito complicado”, disse o técnico Gilson Kleina.

Atlético-GO x Cruzeiro – 22h – equipes buscam novo ânimo no segundo turno

Roth não espera facilidade diante do embalado Dragão

Evolução e esperança de um Brasileirão diferente: assim pode-se resumir a posição de Atlético-GO e Cruzeiro para o confronto desta quarta-feira, no Serra Dourada. O Dragão, na zona de rebaixamento desde a quarta rodada, não perde há cinco partidas e espera seguir somando pontos, enquanto a Raposa, que não vence há três jogos, espera voltar a triunfar para brigar pela parte de cima da tabela.

Os goianos querem o mesmo espírito da equipe que arrancou empates de Corinthians, Santos e Atlético-MG para o segundo turno. “Jogar contra o Cruzeiro sempre será difícil. É uma equipe grande, de tradição, de títulos, e não será diferente amanhã. Encontraremos grandes dificuldades, principalmente após o grande jogo que eles fizeram contra o Atlético-MG”, destacou o técnico Jairo Araújo.

O Cruzeiro encara o jogo em Goiânia como difícil, pelo crescimento recente do Dragão, que bateu o Palmeiras e empatou com o Bahia fora de casa. “Teremos muitas dificuldades lá. É um jogo mais jogado, diferentemente dos no Independência, que vale mais a competição. Esperamos conseguir um bom resultado”, afirmou o treinador Celso Roth.

Grêmio x Vasco – 22h – confronto direto pelo terceiro lugar abre o returno no Olímpico

Werley reconhece bom passado recente do Vasco no futebol nacional

Porto Alegre receberá um jogo importante para a briga pelas primeiras posições do Brasileiro. Grêmio e Vasco estão no G-4, e esperam se manter nas primeiras colocações até o fim da temporada. Os gaúchos atravessam momento melhor, embalados por uma vitória no Gre-Nal, enquanto os cariocas não vencem há quatro rodadas, perdendo terreno na briga pelo título nacional.

Lucas Uebel/Grêmio

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com 37 pontos, o Tricolor vê a partida desta quarta como uma decisão, contra um adversário direto na tabela. “Vasco é concorrente direto à Libertadores e ao título. Foi vice no ano passado, manteve a base e tem ótimos jogadores. Sem falar que está jogando bem. Então, teremos muitas dificuldades, mas estamos preparados. Será uma decisão”, afirmou o zagueiro Werley.

O Vasco sabe da boa fase gremista, com os jogadores se acertando e ganhando conjunto. “O time é forte, organizado e com peso de ataque, como normalmente são as equipes do Vanderlei. Mas mesmo com as dificuldades, acredito na força do Vasco e confio muito na minha equipe”, declarou o técnico Cristóvão Borges.

Fluminense x Corinthians – 22h – últimos campeões do Brasileiro duelam no Engenhão

Fred é a grande esperança no ataque tricolor

Em 2010, o Fluminense venceu o Campeonato Brasileiro, enquanto o Corinthians foi o campeão da edição seguinte, levando também a Libertadores em 2012. Estatísticas que fazem do confronto um dos mais importantes da rodada. O Tricolor, com 42 pontos, segue perseguindo o Atlético-MG, líder com um ponto a mais, e espera vencer o Timão, que faz campanha regular, se recuperando de um início ruim, no qual priorizou a competição continental.

O Fluminense sabe que a defesa corintiana é uma das melhores do país, e esperam uma partida truncada, com forte marcação. “O Corinthians pelo que a gente viu nos vídeos é um time que marca em cima e por isso temos treinado bastante a saída de bola e as jogadas de bola parada. Precisamos de alternativas para sair com a vitória”, afirmou o lateral Carlinhos.

Os paulistas valorizam o elenco adversário, e sabem que a partida promete pelo passado recente das equipes. “Seguramente, Fluminense e Corinthians são dois dos melhores elencos do país. As últimas campanhas mostram isso. São equipes inquestionáveis pela qualidade que possuem”, ponderou o técnico Tite.

fonte:pop



Parte superior do formulário